Cobra desconhecida no Brasil

O Atretochoana eiselti, também conhecido como ‘cobra mole’, é um anfíbio de formato cilíndrico, muito parecido com uma cobra. O animal é parente das salamandras, rãs, pererecas e sapos. Dois exemplares do bicho já descobertos no Rio Madeira estão no Museu Emilio Goeldi, em Belém. Os pesquisadores acreditam que o anfíbio vive na bacia do rio, que vai até a Bolívia, e no estado do Pará.

Um anfíbio pouco conhecido de corpo alongado, cilíndrico e de pele lisa que pertence à família das chamadas cobras-cegas. Os cientistas acreditam que este seja o maior anfíbio sem pulmões já encontrado – o animal respira através da pele.

Os primeiros exemplares do A. eiselti foram encontrados em dezembro de 2011, mas os cientistas só divulgaram a informação agora porque esperaram concluir a catalogação científica

  Os novos exemplares foram resgatados durante a secagem do leito do Rio Madeira.

Anúncios
Esse post foi publicado em Curiosidades. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s