Coisas mais absurdas uma vez vistas como úteis

Ao longo de sua história, a humanidade não para de procurar novas formas de tratar as doenças, viver mais com qualidade de vida e procurar manter-se em boa forma.
Nesta lista você encontrará, cada uma das quais está em um determinado ponto da história foi considerado um “milagre”. Isso poderia ter sido mais do que uma lembrança de que você não deve sofrer com algumas coisas não comprovadas, mesmo que à primeira vista parece ser uma Panaceia

1. Mercúrio



A popularidade do mercúrio com a medicina começou com o fato de que o Dr. John Hunter (século XVI), disse que, com a ajuda deste material tem se curado a sífilis. Sífilis geralmente ocorre em três etapas, com períodos de remissão que podem durar até dois ou três anos.

Aparentemente, um dessas remissões era aceito para a cura. Hunter ele morreu de um ataque cardíaco durante uma discussão sobre os benefícios de sua droga “mágica”.

2. Tabaco


 O fumo do tabaco era usado para o prazer, para desinfetar, tratar dores de cabeça e resfriados, para se livrar do cansaço … e até mesmo usado como um anestésico. Quando o tabaco foi trazido para a Europa, foi visto como uma panacéia, e concedeu epítetos como “erva santa” e “medicina divina”.

No XVII e início do século XIX na Europa foram enemas de tabaco populares. Em Portugal, o tabaco é considerado benéfico para os dentes, levando ao aparecimento de pasta de dentes de tabaco.

3. Lobotomia

A primeira operação de dissecção do cérebro humano foi realizada na década de 1890. Acreditava-se que, desta forma você podia curar a doença mental. Durante o auge da popularidade de lobotomia, que foi o ano 1940-1950, essas operações só na Grã-Bretanha, houve cerca de 40.000.
Um pouco mais tarde, o neurologista Walter Freeman desenvolveram um método que elimina a necessidade de perfuração do crânio. Era chamado de “lobotomia transorbital”. Paciente com choque chumbo à inconsciência, depois do qual um instrumento semelhante a uma faca para picar gelo, era injetado no cérebro através do espaço por cima do globo ocular. Para dissecar fibras do lobo frontal. Em seguida, o mesmo procedimento era repetido no outro lado.
4. LSD

Durante os anos 1950 e início dos anos 60, os cientistas investigaram, LSD, chegaram à conclusão de que este medicamento pode ser utilizado no tratamento do alcoolismo, esquizofrenia, e corrigir o comportamento criminoso. Apesar do fato de que hoje em dia a maioria das pessoas  não fazem mais associações do  LSD com a saúde. Pesquisadores noruegueses ainda estão trabalhando duro para aprender a usá-lo para o tratamento de alcoolismo e esquizofrenia

5. Tênia

Nos anos 1950, as pessoas começaram a infectar-se intencionalmente com tênia para perder peso.
No entanto, o resultado da presença do parasita não foi apenas a perda de peso, mas também a dor abdominal, dor de cabeça, fadiga, náusea, diarreia, obstipação, flatulência, falta de nutrientes. O parasita não fica sempre no estômago. Às vezes, ele viaja por todo o corpo, incluindo o cérebro, o que poderia resultar da maneira mais infeliz.
6. Cocaína

Além da Coca-Cola, a cocaína era parte de um grande número de medicamentos diferentes. Seu efeito eufórico, estimulante e analgésico lhe permitiu ganhar uma reputação como o complemento perfeito para um estilo de vida saudável, especialmente se você precisa de um pouco de alegria.
Muito antes do surgimento dos cartéis de drogas e a guerra entre traficantes de drogas, cocaína era um milagre venerado, curava tudo.
7. Bebidas radioativas

No início de 1900, as pessoas pensavam que a radioatividade era extremamente útil. Eles estavão felizes em comprar objetos contaminados por radiações, veja itens – pingentes para reumatismo rádio, cobertores de urânio para a artrite, anti-envelhecimento cosméticos, água radioativa e assim por diante.
A água mais popular radioativa foi utilizado quando a radiação foi detectado nas nascentes termais minerais, conhecidas por suas propriedades curativas.
As pessoas pensavam que a radiação na água – um fenômeno natural e, é claro, havia aqueles que decidiram fazer dinheiro. Começou um comércio vivo com bebidas contaminadas. Conhecido empresário Ebony Byers, em sua própria declaração, ao beber pelo menos três garrafas por dia. Em 1932, Wall Street Journal dedicou a Byers um excelente artigo intitulado “O resultado do uso da bebida. Tudo parecia perfeito, até que ele perdeu a maior parte de sua mandíbula.”
8. A cartilagem de tubarão

A cartilagem de tubarão é vendido como um suplemento para ajudar no tratamento do cancro.
Em 1950 Surgeon John Prudden começaram a estudar a possibilidade de utilizar a cartilagem de vários animais para fins médicos. Depois de algum tempo, ele disse que ele foi capaz de alcançar a redução de tumores, e encontrou uma maneira de tratar o câncer. 
Os resultados de sua pesquisa não foi repetido e não checaram. No entanto, após a publicação do livro “Os tubarões não ficam doentes com câncer” (1992), um tratamento de medicina alternativa para a cartilagem de tubarão câncer tornou-se extremamente popular.
A idéia principal do livro é que, porque os tubarões não têm câncer, e seu esqueleto é composto quase inteiramente de cartilagem, segue-se que elas contêm algo que pode nos proteger contra esta terrível doença.
Novos estudos científicos não mostraram qualquer benefício na cartilagem no corpo humano. Mas, desde então foi encontrado 42 tumores nos tubarões.
9. Heroína um remédio para a tosse

O xarope de heroína para tosse foi desenvolvido no laboratório Bayer (companhia química e farmacêutica) em 1898 e imediatamente se tornou um grande sucesso. Sua produção só parou em 1910, quando suas propriedades viciantes eram muito maiores do que o inicialmente previsto.

10. Flebotomia

Durante séculos, os médicos vem usando Flebotomia para aliviar a condição de pacientes com uma variedade de doenças, incluindo a pneumonia, a febre, dor de costas, dor de cabeça melancolia reumatismo, etc
Este procedimento foi usado pelos antigos egípcios, romanos e gregos, e sua popularidade continuou até o início do século 19. A ideia original era que a doença era um espírito maligno, que podia ser libertado a partir do corpo, juntamente com uma porção do sangue do doente. Curandeiros depois usavam a sangria porque achavam necessário para manter o equilíbrio de fluidos que acreditava que eraa  causa de todos os problemas de saúde.

O Universo está repleto de muitos segredos e mistérios, como evidenciado pela história do mundo . Conhecer esses fatos é para todos, porque sem o conhecimento do passado não pode construir um futuro. By…кгคt๏ร

Anúncios
Esse post foi publicado em Fatos interessantes. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s