Protestos em grande escala no Brasil

Tais protestos o Brasil não foram visto nos últimos 20 anos . As manifestações eclodiram em várias cidades do Brasil, chegando a uma excursão máxima: um total de 200.000 pessoas dai pra mais. Para suprimir os protestos a polícia usou veículos blindados, helicópteros e tropas de cavalaria e choque.
Tudo começou em São Paulo com o aumento da passagem.

As pessoas protestam contra gastos de bilhões de dólares para sediar a Copa do Mundo de 2014, a corrupção e o aumento das tarifas.

Eles são contra a baixa qualidade dos serviços públicos, a violência e a corrupção do governo. Outra razão para a insatisfação da população da Copa das Confederações. Manifestantes em favor de que o governo deve gastar o dinheiro do orçamento para a solução de problemas sociais, em vez de a organização de eventos desportivos.

Quero lembrar que oportunistas estão aproveitando o momento para se infiltrar nas manifestações para saquear, depredar todo patrimônio e gangues estão aproveitando o momento também.

Um policial joga sprays pimenta  direto na face dessa mulher por alguma razão- Rio de Janeiro, Brasil, 17 de junho de 2013. (Foto: AP Photo | Victor R. Caivano):

Mane Garrincha Brasil, Brasília, 15 de julho de 2013. (Foto: Reuters | Ueslei Marcelino):

A razão para o início dos protestos foi o aumento das tarifas no transporte público. Depois disso, o protesto cresceu e se tornou o maior nos últimos 20 anos de protestos anti-governamentais.
Manifestantes com uma bandeira “Não à violência”, Brasília, 17 de junho de 2013. (Foto: AP Photo | Eraldo Peres):

falam do custo da Copa do Mundo, mas em geral é contra a corrupção e a desigualdade social, relacionando todas essas coisas juntas. (Foto: Reuters | Paulo Santos):

Por tradição, a polícia usou gás lacrimogêneo e balas de borracha para dispersar os manifestantes, e em troca recebeu as pedras e coquetéis molotov. No entanto, o poder de polícia só alimentou os protestos. Depois de uma dura repressão dessas ações se juntou aos protestos, e outras cidades do país.

O spray de pimenta em ação, 15 de junho de 2013. (Foto: AP Photo | Agencia Brasil, Marcello Casal):

A maior nação de futebol do planeta está insatisfeita com as autoridades com enorme desperdício da Copa do Mundo em 2014 . Os Manifestantes são a favor de que o governo deve gastar o dinheiro do orçamento para a solução dos problemas sociais, a construção de hospitais, ao invés da construção de estádios.

Foi atingido com balas de borracha pela polícia, 16 de junho de 2013. (Foto por Tasso Marcelo | AFP | Getty Images):

Protestos contra o cenário do crescimento econômico que nos últimos anos, não atendeu às expectativas dos brasileiros.

Protestos mostram os limites do modelo de desenvolvimento brasileiro. A economia está crescendo, mas a qualidade de vida piora.

Nós não estamos aqui porque a passagem subiu 20 centavos, queremos mudar o Brasil e cansado da corrupção desenfreada

Enquanto as pessoas estão protestando, os vândalos aproveitam, Rio de Janeiro, 17 de junho de 2013. (Foto: AP Photo | Victor R. Caivano):

Perseguido por manifestantes que fugiam da polícia durante um protesto perto da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, 17 de junho de 2013. (Foto © AP / Felipe Dana).

O policial ferido deitado no chão depois de confrontos com manifestantes no Rio de Janeiro, 17 de junho de 2013. (Foto © AP / Felipe Dana)

Um manifestante, que foi baleado na perna durante confrontos no centro do Rio de Janeiro, 17 de junho de 2013. (© Lluis Gene / AFP / Getty Images)

Vídeo: Policia Militar de Minas Gerais agredindo covardemente mulher.

Fonte: hojeemdia.com.br/minas

A policia civil de Minas gerais faz seu protesto também e alerta

As frase nos cartazes pode-se ler em inglês: “Tourist, in Minas Gerais State we cannot ensure your safety! The police is scrapped!”, que na tradução livre quer dizer: “Turista, em Minas Gerais nós não podemos garantir a sua segurança. A polícia está sucateada”.

 Cartaz em inglês alerta: “Querido turista, no Estado de Minas Gerais você não está seguro!!!” Em outra faixa, os manifestantes chamam a atenção dos turistas que falam espanhol: “Turista. En Minas Gerais usted no está seguro!!!”, que em português significa: “Turista, em Minas Gerais você não está seguro.

Amigos Mineiros, como diria um amigo caipira:

“Se o boi soubesse da força que tem não puxava carroça”

Esse único recado que posso dar:

Anúncios
Esse post foi publicado em Primavera Brasileira. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s